Programas

Construindo Confiança - O Programa

O Programa de Construção de Confiança foi co-criado por Iniciativas de Mudança Internacional (IdeMI) e o Instituto Fetzer de Kalamazoo, Michigan, EUA. O foco atual de IdeMI está sintetizado em seu slogan “construir confiança em todas as divisões do mundo”. Neste momento da história, praticamente todos os países parecem estar divididos por profundas rupturas de cultura, língua, raça, etnia, religião ou classe.

IdeM Internacional estabeleceu o Programa de Construção de Confiança, alinhada aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU (Objetivo 16: Paz, Justiça e Instituições Sólidas), que reúne o melhor de nossa experiência para situações específicas onde há conflito ou tensão. O programa será convidado a esses lugares por personagens locais, nacionais e/ou internacionais, a fim de complementar os esforços existentes para trazer paz e mudanças positivas a uma determinada situação/região.

Em setembro de 2019, o programa começou no Canadá, Quênia e França e em junho de 2020 será implementado em 3 a 5 países.

Coesão social e comunidades equitativas

A coesão da comunidade está no cerne do que torna uma comunidade forte, vibrante e segura. Conectar comunidades fragmentadas exige o melhor de todos, independentemente de sua raça, sistema político ou de crença. Construir confiança é a base essencial para construir comunidades saudáveis; não é uma técnica que pode ser ensinada, mas sim um estilo de liderança cidadã que oferece uma visão de esperança e oportunidade para todos.

Muitas vezes, as reformas necessárias em nossas comunidades exigem níveis de coragem política e colaboração baseadas na confiança que só podem ser alcançados por indivíduos que tenham visão, integridade e persistência para atrair o melhor dos outros e sustentar esforços profundos e de longo prazo.

Iniciativas de Mudança tem um histórico de uma abordagem multissetorial sustentada na reconciliação em apoio aos esforços para superar divisões e construir coesão social e comunidades equitativas com base na transformação de indivíduos.

Objetivo do Programa de Construção de Confiança

O principal objetivo do programa é construir confiança em todas as divisões do mundo, desenvolvendo líderes éticos e confiáveis ​​em todos os níveis.

Como fazemos isso

Nós inspiramos e equipamos pessoas com as qualidades internas, práticas e habilidades necessárias para construir confiança em divisões profundas, curar feridas históricas, reunir diversos grupos em conversas honestas e desenvolver e manter redes multissetoriais que trabalham pela coesão social e equidade. Colocamos ênfase em identificar e equipar a próxima geração de líderes.

Cada projeto local é elaborado de acordo com o contexto específico e a necessidade, com experiência, conhecimento e métodos de IdeM para abordar questões de conflitos traduzidas em diferentes circunstâncias e implementadas no local onde há divisões sociais agudas.

Nosso trabalho de construção de confiança é orientado pela seguinte estrutura conceitual:

 

 

1. Comece com você mesmo

Iniciativas de Mudança se baseia na ideia de que o mundo muda para melhor quando iniciamos o processo de mudança em nós mesmos. A ênfase na responsabilidade pessoal quebra o ciclo de negação, culpa e vitimização. Os indivíduos se tornam construtores de confiança e criadores de mudanças ao estarem dispostos a dar uma olhada sem medo em suas próprias atitudes e comportamento. Os construtores de confiança, quer professem ou não qualquer religião específica, precisam de um conjunto consistente de valores que se refletem em ações em suas vidas públicas e pessoais.

2. Envolvendo todos em conversas honestas

O diálogo inclusivo e aberto está no cerne da construção de confiança. Em conversas honestas, todas as partes interessadas vêm à mesa e permanecem engajadas. Identificar questões subjacentes e criar um espaço seguro para o diálogo, onde os participantes podem ouvir profundamente os outros e fazer a si mesmos perguntas difíceis, são cruciais para unir comunidades divididas. Este diálogo profundo move os indivíduos de simplesmente uma troca de informações para uma experiência de transformação.

3. Reconhecer a história

Compreender o poder da história e da memória ao moldar as narrativas da comunidade é uma parte essencial do processo de construção de confiança. Nenhuma conversa significativa sobre o futuro poderia ocorrer em uma comunidade fragmentada sem o reconhecimento público da dor e do sofrimento vividos por uma população. Reconhecer as feridas históricas e honrar as diferentes histórias são etapas necessárias na criação de novas narrativas compartilhadas e na construção de movimentos para lidar com os legados de desigualdade.

4. Construindo uma equipe

Equipes diversificadas compostas por representantes de todos os setores se reunindo para criar uma totalidade que incorpora a diversidade é a força mais eficaz para a mudança. A falha em construir uma rede de confiança genuinamente diversa enfraquece muitas iniciativas valiosas.

Contate-nos